Pular para o conteúdo

Joelho do Corredor (Síndrome do Atrito Iliotibial)

Joelho do Corredor (Síndrome do Atrito Iliotibial)

O Que é?

Joelho do corredor ou síndrome do atrito iliotibial é uma inflamação que acomete a face lateral do joelho, muito comum em corredores iniciantes ou aqueles que treinam excessivamente.

O trato iliotibial se origina na pelve, atravessa as articulações do quadril e joelho e insere-se na face lateral da tíbia (osso da perna), em saliência óssea denominada tubérculo de Gerdy.

É uma fibrosa e tensa estrutura que auxilia a estabilização articular, sendo ao mesmo tempo protetora dos músculos da coxa.

Ao passar pelo joelho o atrito desta estrutura com a face lateral do epicôndilo, (saliência óssea do fêmur ao nível do joelho), causa a dor característica nesta região.

Quais os sintomas?

A queixa típica é dor lateral no joelho que se inicia após alguns minutos ou quilômetros de corrida, dificultando sua realização.

Normalmente cessa após repouso podendo durar poucas horas ou dias.
O retorno à corrida desperta novamente a dor que se torna progressivamente mais presente e limitante.

Como se faz o diagnóstico?

O diagnóstico é clínico, com associação da queixa ao esporte praticado.

A dor é referida tipicamente acima da articulação ao nível da área do atrito.
Exames de imagem são desnecessários na maioria dos casos.

Como é o tratamento?

O tratamento inicial é repouso parcial, sendo o atleta estimulado a realização de atividades que não promovam o atrito e não despertem a dor.

Natação e bicicleta são recomendados e a corrida é permitida, porém, não se pode correr ao ponto de despertar a dor.

Anti-inflamatórios são recomendados por um ciclo semanal.

O gelo após esforço atua como anti-inflamatório tópico.

O alongamento do trato iliotibial é essencial para resolução do problema. Deverão ser diários até melhora completa do sintoma.

Alguns casos não respondem ao tratamento inicial e injeções de cortisona entre o trato iliotibial e o epicôndilo femoral diminui a inflamação local e são necessárias.

plugins premium WordPress