Pular para o conteúdo

Tendinite Patelar (Joelho do Saltador)

Tendinite Patelar (Joelho do Saltador)

O que é a tendinite patelar? 

O tendão patelar está localizado bem abaixo da patela e faz a ligação entre ela e o osso da perna (tíbia).  A tendinite patelar, também, chamada de “joelho de saltador”, é a inflamação deste tendão, causando dor nesta região.

Como ocorre? 

A atividade que mais causa a tendinite patelar é o salto realizado excessivamente. Outras atividades que podem causar a tendinite patelar, quando realizadas repetidamente, são: correr, caminhar e andar de bicicleta. Todas essas atividades causam estresse no tendão patelar, podendo levar à inflamação. 

Tendinite patelar também pode ocorrer em pessoas que possuem um desalinhamento dos membros inferiores, como: quadris largos, joelhos valgos ou pés com arcos que se chocam quando você corre ou anda (pé chato)

Quais são os sintomas? 

O paciente pode apresentar: dor e sensibilidade ao redor do tendão patelar; edema no joelho ou onde o tendão patelar se conecta ao osso da perna; dor ao saltar, correr ou caminhar, especialmente ladeira ou escada abaixo; dor ao dobrar ou esticar a perna; sensibilidade na parte de trás da patela; 

Como é diagnosticada?

Com exame físico ortopédico detalhado, procurando por sensibilidade/dor no tendão patelar e polo inferior da patela.

Exames de imagem complementares podem auxiliar no diagnóstico, como ultrassonografia, raio- x e ressonância magnética

Como é tratada?

O atendimento a pacientes com tendinite patelar deve ser iniciado com uma abordagem multidisciplinar. O paciente deve seguir orientações nutricionais, fisioterápicas, realizar atividades de baixo impacto (bicicleta e hidroginástica), alongamento e fortalecimento muscular, e seguir o tratamento medicamentoso prescrito por um ortopedista.

O tratamento cirúrgico pode ser indicado em casos graves. 

Quando retornar ao esporte ou à atividade? 

O objetivo da reabilitação é que o retorno do paciente ao esporte ou à atividade aconteça o mais breve e seguramente possível. O retorno precoce poderá agravar a lesão, o que pode levar a um dano permanente.

Todos se recuperam de lesões em velocidades diferentes e, por isso, para retornar ao esporte ou à atividade, não existe um tempo exato, mas quanto antes o médico for consultado, melhor. 

Como evitá-la?

A tendinite patelar é comumente causada por desgaste durante atividades como salto ou corrida. A melhor maneira de evitá-la é realizar um bom alongamento e fortalecimento muscular dos membros inferiores antes das práticas esportivas de impacto.

plugins premium WordPress